Serpente Encantada
Serpente Encantada

 

 

 

 

 

Foto: Lago da Serpente Encantada

Essa é uma das Lendas Urbanas mais conhecida no município

Segundo se tem conhecimento na região é que em Coxim existe uma gigantesca Serpente Encantada e que a mesma está com a sua cabeça debaixo da igreja matriz de São José, bem no centro da cidade e que seu corpo serpenteia em toda a extensão urbana do município e que a ponta de seu rabo está lá bem no meio do Rio Taquari. Cada respirada da bichinha, enquanto dorme, faz desbarrancar as margens e o Rio imperceptivelmente a cada ano vai mudando o seu curso.

Diz a lenda que no dia em que esta serpente acordar, será um acontecimento marcante e catastrófico, pois acabará com a cidade de Coxim. Esse é o motivo pelo qual a direção do Parque Temático colocou uma placa de advertência (escrita sobre o metal) no lago da Serpente Encantada com a seguinte inscrição: Silêncio! Não queremos que os visitantes façam barulho, para que, sobre hipótese nenhuma, a serpente venha a acordar.

Lendas envolvendo serpentes fazem parte da história da humanidade desde os tempos primórdios. Recordemos agora a lenda do começo do mundo, onde a danada da serpente teria enganado a Eva e a fez comer a maçã que era o fruto proibido. Resultado, estamos até hoje pagando o pato. Aqui por Coxim a coisa não é muito diferente, pois se a serpente acordar, adeus Coxim.

O interessante é que, na tarde do dia 15 de junho de 2009, um tremor de terra de 4,8 graus de magnitude, um dos 20 maiores do Brasil, foi registrado no município e o mesmo atingiu e foi sentido em algumas cidades da região Norte do Estado de Mato Grosso do Sul, entre elas Rio Verde, Sonora, Pedro Gomes e São Gabriel do Oeste.

Logo que o tremor sacudiu a região, foi possível que todos se lembrassem da serpente, alguns chegaram a afirmar que, com certeza, a madame deva ter se revirado na cama e depois, dormido mais um pouquinho.

Verdade ou não, após esse acontecimento, abalos sísmicos volta e meia são registrados nessa região pantaneira. Eu é que não duvido dessas coisas e, portanto enquanto estiver morando em Coxim não quero fazer nenhum barulho que possa ultrapassar os decibéis aceitáveis…

Para aqueles que são como o São Tomé e precisem ver para crer é só fazerem uma visita ao Parque Temático e observar a estátua da professora Clarice Rondon em que o pedestal foi entortado com o abalo daquele tremor inesquecível da Terra de Pé de Cedro.

PARCEIROS DO PARQUE